Notícias
Refeitórios sociais de Remar


Há cada vez mais pessoas com fome no Mundo, e o objetivo de erradicar este flagelo em 2030, parece cada vez mais distante.  Em 2018, 821,6 milhões de pessoas em todo o mundo não tiveram acesso suficiente a alimentos.  Em 2017 tinham sido registadas 811 milhões de pessoas com fome, um número que tem vindo a aumentar nos últimos três anos. 

Uma em cada nove pessoas no mundo não tinha o suficiente para comer em 2018

Após décadas de declínio constante, a tendência da Fome no Mundo, que é medida pela prevalência da desnutrição, foi revertida em 2015.  Nos últimos três anos, as taxas permaneceram praticamente inalteradas num nível ligeiramente abaixo de 11%.  

Fome no mundo Fome no mundo


África

De acordo com o relatório, a situação é mais preocupante na África. A região tem as maiores taxas de Fome do Mundo e apresenta índices que continuam crescendo lentamente. Na África Oriental, em particular, cerca de um terço da população, 30,8%, está subnutrida. Além do clima e do conflito, a desaceleração e a retração da economia estão impulsionando este crescimento.

Ásia

O estudo aponta também para um maior número de pessoas subnutridas. Mais de 500 milhões vive na Ásia. Juntos, a África e a Ásia têm a maior parcela de todas as formas de desnutrição, sendo responsáveis ​​por mais de nove entre 10 crianças com atraso no crescimento e debilitação em todo o mundo. Os menores com debilitação são aqueles que sofrem de desnutrição aguda, marcados pelo fato de estarem abaixo do peso para a sua altura. 

De fato precisamos redobrar as forças no combate à fome. E isso é possível, sim. Não que seja simples em face aos desafios colocados pelas mudanças climáticas, os conflitos no mundo, os desequilíbrios de poder e as desigualdades. 

remar e a fome no mundo Fome no mundo


As chuvas melhoraram as colheitas na Síria, mas as famílias continuam a lutar para sobreviver. Precisamos de fazer uma boa gestão das nossas terras e do meio ambiente para podermos favorecer  a agricultura e beneficiar dos recursos que a terra nos oferece. Estas mudanças climáticas também são o efeito da constante luta capitalista e da política que vivemos num crescimento de consumo bastante acentuado. 

Precisamos sensibilizar as entidades governamentais e a população geral sobre a desigualdade e o desperdício de alimentos dos países desenvolvidos. Este deve ser um dos meios de combate para alertar a população mundial sobre esta decadência alimentar, que futuramente irá afetar a todos.

Mas é preciso elucidar e resolver as causas básicas da Fome. São necessários meios e Transformações Estruturais Anti Pobreza, que protejam e tragam recursos às populações menos abastecidas e mais vulneráveis.

Ajuda alimentar da ONG REMAR em mais de 70 países

A REMAR está a apoiar pessoas com grandes dificuldades e em extrema pobreza em mais de 70 países ao redor do mundo. Este apoio é resultado do trabalho e dedicação de Voluntários e Empresas que colaboram com estes Projetos de Apoio “SOS". 

São milhares de pessoas que todos os dias recebem alimentação através dos nossos Refeitórios Sociais que abrimos em mais de 20 países. O Apoio da REMAR nas Ruas, fornece alimentos aos Sem-Abrigo em pequenas e grandes cidades, onde sabemos que se encontram pessoas marginalizadas, oferecendo lanches e sopas nas noites frias. 

Temos também o Projeto Mãos Abertas com a distribuição de cabazes de alimentos a famílias e mães solteiras com escassos recursos. A REMAR também oferece diariamente refeições aos utentes dos nossos Centros de Acolhimento, onde milhares de pessoas e famílias completas são atendidas e reinseridas na sociedade. 

remar e a fome no mundo Fome no mundo

remar e a fome no mundo Fome no mundo


Tudo isto foi e está a ser realizado na Europa, África, Ásia e América Latina. O nosso lema é “apoiar quem precisa, sempre e quando tivermos os meios e capacidade de fazê-lo”. Temos como objetivo permanente, reabilitar o marginalizado, apoiando-o na sua necessidade.

Nós cremos que este é um Problema Social Mundial, mas que deve e pode ser travado. Não podemos ignorar a angústia e a dor alheia, e ter consciência que não devemos desperdiçar alimentos.

Somos uma ONG, e todos os nossos recursos são o resultado do trabalho e do esforço de pessoas voluntárias que foram ajudadas, e que querem ajudar outros. O nosso objetivo mediático é sensibilizar as pessoas para contribuir para um mundo melhor. 

remar e a fome no mundo remar e a fome no mundo

remar e a fome no mundo Fome no mundo


Ainda há oportunidade para aquele que nada tem. 

Podemos alimentar o faminto, ajudar o necessitado, levantar o caído, amparar aquele que já não tem forças. 

“Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três, mas o maior destes é o amor.”  

(Da Bíblia, 1 Coríntios 13:13).

Um exemplo claro de poder transcendente, é o AMOR. O amor dá-nos forças, impele-nos a crer e supera obstáculos. 
Amar ao nosso próximo é o segundo e grande mandamento dado por Jesus. 
Vamos pois superar as nossas “desigualdades” e velar uns pelos outros! Deus queira que você não venha a necessitar ajuda, mas que seja um ajudador!

Mãos à obra!
Remar Portugal

 

 

Países com Apoio Direto da Remar Portugal

 

 

 

 

 

 

 

 

Paises Onde a Remar Atua no Mundo

 

 

Ver Mapa

Newsletter Mensal